Artigos

segunda-feira, 26 de março de 2018

Importância do aspecto socioafetivo no processo de aprendizagem

Falar sobre o aspecto afetivo é falar sobre as questões mais profundas do indivíduo. É compreender que, apesar de nosso temperamento e jeito de ser, somos seres sociais que aprendem uns com os outros e, que, no aspecto afetivo, também podemos aprender a lidar com nossas emoções, frustrações, desafios, decisões e tudo o que possa nos incomodar e gerar sentimentos contrários.
O primeiro passo para lidar com o aspecto afetivo é o autoconhecimento. Precisamos promover situações em que nossos alunos tenham consciência de quem são, como são, o que podem e devem melhorar para estabelecer um convívio mais saudável e amistoso com as pessoas que estão a sua volta e, até mesmo, com aquelas que desconhecem.
A partir desse processo de introspecção, é possível perceber o outro, analisar seu ponto de vista e compreender que todos nós somos dotados dos mesmos sentimentos e que podemos aprender a administrá-los da melhor maneira possível para garantir um convívio mais harmonioso nas relações sociais.
Lidar com os sentimentos e aprender a gerenciar conflitos são necessidades inerentes ao ser humano. Todos aqueles que têm a oportunidade de desenvolver esse aspecto com maior equilíbrio, geralmente, estabelece um relacionamento interpessoal mais saudável e, consequentemente, apresenta maior facilidade para manter-se aberto ao novo e a um processo de aprendizagem constante. Esta postura é fundamental para quem pretende ser bem sucedido num período em que a tecnologia está em pleno desenvolvimento e exige mudanças de posturas e paradigmas.